<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1750190188405548&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Aproveite ao máximo sua solução de tecnologia

Postado em 04 de Junho de 2018

As tecnologias adotadas precisam estar alinhadas com os objetivos de negócio da empresa.

O momento da compra de um novo equipamento de tecnologia é excitante. Pense na sua última TV, computador, ou celular: um mundo de possibilidades e aplicações alimentadas pela conexão à internet, que te proporciona novas funcionalidade e possibilidades. No meio corporativo não é diferente, mas há uma pergunta fundamental a ser feita: quais objetivos de negócio da empresa vão ser alcançados com essa tecnologia?

Os equipamentos físicos já eram muito confiáveis. Agora, com as atualizações de funcionalidades, que cada vez mais são baseadas em software, são muito mais devido ao prolongamento da vida útil. Por isso, essas atualizações são essenciais devido às constantes mudanças da tecnologia, como novas funções e requisitos de segurança.

Primeiro, para ações de melhoria, é preciso conhecer detalhadamente o que está disponível num equipamento e num contrato de licenciamento. Assim, com um controle constante, online e atualizado, é possível otimizar o orçamento e aproveitar ao máximo os recursos adquiridos em favor do negócio.

Neste ponto, pode-se exigir que as funcionalidades compradas sejam ativadas e passem a fazer parte da solução que já estão em funcionamento. Mas, lembre-se de que é como um app novo que baixamos no celular ou aquele eletrônico que fica encostado na cozinha. Se houver descolamento do processo de negócio, a tecnologia é abandonada e a percepção de valor fica negativa.

De posse das informações do contrato e do consumo atual das funcionalidades, podem-se criar discussões proveitosas com os fabricantes das tecnologias para explorar ainda mais o uso de funcionalidades não aplicadas na prática, pensar em novos usos para diferentes áreas de negócio, bem como novas soluções. A adoção de tecnologia permite que, ao longo da vida útil do equipamento e do software, seja possível extrair dele o maior valor possível.

Ao mostrar o uso efetivo da tecnologia no processo de negócio e na obtenção dos seus resultados, fica mais fácil justificar a renovação de um contrato de licenciamento ou suporte de equipamentos e sua eventual atualização. E, principalmente, se garante que não fique empoeirado no depósito.

Tags: Infraestrutura

Comentários

Deixe seu comentário ou dúvida abaixo, lembrando que os comentários são de responsabilidade do autor e não expressam a opinião desta editoria. A Logicalis, editora do blog Digitizeme, reserva-se o direito de excluir mensagens que sejam consideradas ofensivas ou desrespeitem a legislação civil brasileira.